Integração na América Latina

Integração na América Latina

A história, a economia e o direito

ISBN: 9788581480015 AUTOR: Eduardo Scheidt

Este livro faz uma profunda avaliação dos modelos predominantes de integração relativos à realidade econômica, jurídica, política, social, cultural e histórica na América Latina, sobretudo de países emergentes, que buscam a formação de blocos regionais...

R$ 49,90 R$ 44,91
QTD.:

Mais Informações

Sinopse

Este livro faz uma profunda avaliação dos modelos predominantes de integração relativos à realidade econômica, jurídica, política, social, cultural e histórica na América Latina, sobretudo de países emergentes, que buscam a formação de blocos regionais ou a celebração de acordos comerciais, como, por exemplo, projetos alternativos de integração na América Latina e no Caribe com o objetivo de melhor desenvolvimento econômico, índices sociais e relações políticas e culturais.


Número de Páginas

260


Formato

17x24cm


Ano de Publicação

2011


Área

História


NUEVOS TEMAS EN LA INTEGRACIÓN LATINOAMERICANA DEL SIGLO XXI, A QUESTÃO NACIONAL E A INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA NOS DISCURSOS DO PRESIDENTE HUGO CHÁVEZ, CADENAS GLOBALES DE VALOR, GOVERNANCE Y UPGRADING: ALCANCES EM ECONOMÍAS EMERGENTES, O PAPEL DA POLÍTICA MONETÁRIA E CAMBIAL NO PROCESSO DE INTEGRAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DA AMÉRICA LATINA, ALGUMAS NOTAS SOBRE O PAPEL DO VOTO NO BRASIL E NA ARGENTINA NAS PRIMEIRAS DÉCADAS DO SÉCULO XX, NEGROS, ÍNDIOS E JUDEUS: EXCLUÍDOS NO AMBIENTE MILITAR LATINO-AMERICANO (1930-1945), FRONTEIRAS E DIPLOMACIA: FUGAS INTERNACIONAIS DE ESCRAVOS, NAVEGAÇÃO FLUVIAL E O AJUSTE DAS LINHAS DIVISÓRIAS ENTRE O IMPÉRIO DO BRASIL E A REPÚBLICA DA BOLÍVIA (1822-1867), OS CULTOS À NOSSA SENHORA APARECIDA E À VIRGEM DE GUADALUPE: UMA INTERFACE, A FERRO E FOGO – A DESTITUIÇÃO DO PODER DE LUTA DE UMA MULHER QUE SE FEZ BRASILEIRA, CÁRCERES E SOCIEDADE NA AMÉRICA LATINA, 1800-1850, IDENTIDADE NACIONAL E A QUESTÃO DO NEGRO EM OLIVEIRA VIANNA, SER OU NÃO SER HISTORIADOR. UMA ANÁLISE CRÍTICA SOBRE A OBRA DE HÉLIO LEÔNCIO MARTINS: A REVOLTA DOS MARINHEIROS DE 1910, AS RELAÇÕES SOCIAIS E POLÍTICAS ENVOLVENDO OS NEGOCIANTES E A CÂMARA DE VEREADORES DA CIDADE DE PIRAÍ (1880-1892), A DESORDEM SENHORIAL PELA DISPUTA TERRITORIAL NA DÉCADA DE 1830, COM REI, FÉ E LEI: A TENTATIVA DE POMBAL DE TRANSFORMAR O ÍNDIO EM VASSALO, HARMONIZAÇÃO LEGAL MÍNIMA PARA A PROTEÇÃO CONSUMERISTA NO MERCOSUL, O CONCEITO DE PESSOA E COISA, LIMITES CONSTITUCIONAIS DO DIREITO À CULTURA, A EDUCA