Histórias e Memórias da Escolarização das Populações Rurais

Histórias e Memórias da Escolarização das Populações Rurais

Sujeitos, Instituições, Práticas, Fontes E Conflitos

ISBN: 9788546206636 AUTOR: Sandra Cristina Fagundes De Lima

As pesquisas apresentadas neste livro têm como objetivo compreender as transformações, permanências e conflitos no que se refere à história dos processos educativos implementados no meio rural. Até o final dos anos 1950 e princípio de 1960, era nas ins...

R$ 62,90 R$ 31,45
QTD.:

Mais Informações

Sinopse

As pesquisas apresentadas neste livro têm como objetivo compreender as transformações, permanências e conflitos no que se refere à história dos processos educativos implementados no meio rural. Até o final dos anos 1950 e princípio de 1960, era nas instituições de ensino rural que mais de 60% dos brasileiros se alfabetizavam, trabalhavam e residiam no meio rural. Contudo, as escolas rurais ficaram relegadas a um segundo plano. Constata-se o papel secundário atribuído_x000D_ a esses estabelecimentos de ensino na falta de infraestrutura e precariedade geral de seu funcionamento, desvalorização socioprofissional do professor, assim como na relativa ausência de estudos e de pesquisas acadêmicas sobre a história da educação rural._x000D_


Número de Páginas

496


Formato

14x21cm


Ano de Publicação

2016


Área

Educação


Capítulo 1: A literatura como fonte para o estudo da educação das populações rurais em Minas Gerais no final do século XIX; Capítulo 2: Escolas públicas primárias rurais em Minas Gerais: condições materiais e materiais pedagógicos em fins do século XIX e início do XX; Capítulo 3: Novos tempos, discursos antigos: educação rural em Araguari na década de 1930; Capítulo 4: O rural e o urbano nas atas de reuniões da Associação Comercial, Industrial e Agropecuária de Uberlândia (Aciub), 1933-1953; Capítulo 5: Prescrevendo práticas de higiene e saúde: os diários dos clubes de saúde do curso de aperfeiçoamento para professoras rurais da Fazenda do Rosário – Ibirité-MG (1940-1956); Capítulo 6: O rural, o silêncio, o esquecimento e o memorialista. Uberlândia-MG, 1950-1959; Capítulo 7: “Inventores de trilhas nas selvas da racionalidade funcionalista”: professoras leigas e alunos das escolas rurais (Uberlândia-MG, 1950-1979); Ali... Ceará, Rio Grande do Sul, Pernambuco, São Paulo; Capítulo 8: Vínculos familiares e comunitários na construção social dos professores leigos no meio rural; Capítulo 9: Processos de institucionalização de escolas públicas no meio rural. Novo Hamburgo-RS (1824-1939); Capítulo 10: Entre mangueiras e coqueiros: Grupo Escolar Dom Malan e a política nacional de educação rural (1949-1953); Capítulo 11: Prescrições para a prática docente: estratégias de uniformização do ensino primário nas escolas isoladas paulistas (Rio Claro, 1946-1966); Em todo lugar... Mali, Portu