Este é o Brasil Caboclo, este é o Meu Sertão

home / Este é o Brasil Caboclo, este é o Meu Sertão

NOVO
10%
Este é o Brasil Caboclo, este é o Meu Sertão

Consumo e Espaço Praticado na Discografia de Tonico e Tinoco (1940-1981)

9788546220175
Anderson Teixeira Renzcherchen

Em “Este é o Brasil caboclo, este é o meu sertão...” promove leituras e interpretações do cancioneiro caboclo, analisando a constituição de sujeitos e representações do sertão. Percorreu o contexto e a cultura a partir do cenário em que Tonico e Tinoco...

Mais informações

R$ 42,90

R$ 38,61

QTD.:
COMPRAR

Consulte o prazo de entrega

    Mais Informações

    Sinopse:

    Em “Este é o Brasil caboclo, este é o meu sertão...” promove leituras e interpretações do cancioneiro caboclo, analisando a constituição de sujeitos e representações do sertão. Percorreu o contexto e a cultura a partir do cenário em que Tonico e Tinoco conceberam as letras de suas canções. A base teórica passa pelas obras e reflexões de Michel de Certeau, Michel Foucault, com alguma ancoragem em Sigmund Freud. Também adentramos a história do mercado fonográfico, do rádio e da televisão, que consideramos como espaços aproveitados pelos compositores para falar dos sonhos de melhores condições de vida e do êxodo rural ocorridos no Brasil da segunda metade do século XX. 

    Sumário:

    Tabela de localização das canções utilizadas

    O sertão caboclo: breve prefácio a um livro original

    Introdução

    Capítulo 1

    1. A discografia e a abordagem teórica

    2. O consumo, a produção do espaço, a música e o sertão

    Capítulo 2

    1. A música e a pesquisa em história

    2. A constituição do sertão na discografia cabocla

    3. O sertão e as letras da década de 1960

    Capítulo 3

    1. Aspectos da constituição do caboclo

    2. Caboclos e regiões

    3. O caboclo como sujeito vingativo

    4. Produtor/consumidor de música cabocla/caipira e sertaneja

    Considerações finais

    Versões completas das canções utilizadas

    Referências

    Índice remissivo

    Numero de paginas:

    176

    Formato:

    14x21

    Demais Autores:

    José Adilçon Campigoto

    Ano de publicação:

    2020

    Área:

    História da Música