“Diz o índio...”

home / “Diz o índio...”

“Diz o índio...”
9788546214297
Rafael Rogério Nascimento dos Santos

Nos últimos anos temos acompanhado o crescente número de estudantes indígenas que acessam as escolas e as universidades dos “brancos”. Ao dominar nossos códigos culturais, eles fortalecem suas lutas pela garantia de seus direitos, o que faz muitos bras...

Mais informações

R$ 45,90

QTD.:
COMPRAR

Consulte o prazo de entrega

    Mais Informações

    Sinopse:

    Nos últimos anos temos acompanhado o crescente número de estudantes indígenas que acessam as escolas e as universidades dos “brancos”. Ao dominar nossos códigos culturais, eles fortalecem suas lutas pela garantia de seus direitos, o que faz muitos brasileiros afirmarem que “os índios de hoje estão mais espertos”. O que Rafael Rogério nos revela em seu livro “Diz o índio...”: Políticas indígenas no Vale Amazônico (1777-1798) que essa esperteza dos índios é muito mais antiga. Diante do profundo choque cultural provocado pelo contato que ameaçava o modo de vida dessa população, restava a estes povos aprender a se apropriar dos códigos do colonizador, de modo a garantir e ampliar os direitos que a legislação lhes reservava. Assim, foram muitos os casos em que os índios do vale amazônico, no período colonial, acessaram a justiça denunciando arbitrariedades ou reivindicando o direito de transitar nos espaços coloniais sem embaraços. Tradicionalmente invisibilizados, vistos como “povos sem história”, estes homens e mulheres são habilmente recuperados pelo autor em sua condição de sujeitos históricos, impondo limites ao projeto colonizador, ora celebrando conquistas, ora negociando perdas. Desse modo, “Diz o índio...” nos revela vozes silenciadas de povos que sempre tiveram muito o que dizer. (Prof. Márcio Couto Henrique, Professor Associado | Universidade Federal do Pará)

    Sumário:

    Capítulo I: História indígena e indigenista: os povos indígenas no centro do palco; Capítulo II: Experiências cotidianas: além da mera reação Espasmódica; Capítulo III: Políticas indígenas no Grão-Pará e a redimensão do Diretório dos Indios; Capítulo V: Limites da “liberdade” indígena e apropriações da lei.

    Numero de paginas:

    216

    Formato:

    14x21cm

    Ano de publicação:

    2019

    Área:

    História