Atendimento Socioeducativo

Atendimento Socioeducativo

Atores e Atrizes de um Cenário em Movimento

ISBN: 9788546204298 AUTOR: Willian Lazaretti Da Conceição

O atendimento socioeducativo é muitas vezes invisível, com poucas políticas públicas e muita falta de recurso. Estudar, pesquisar e trabalhar com medidas socioeducativas se torna um grande desafio. Mas aos poucos, o atendimento vem deixando essa zona d...

R$ 42,90 R$ 32,17
QTD.:

Mais Informações

Sinopse

O atendimento socioeducativo é muitas vezes invisível, com poucas políticas públicas e muita falta de recurso. Estudar, pesquisar e trabalhar com medidas socioeducativas se torna um grande desafio. Mas aos poucos, o atendimento vem deixando essa zona de invisibilidade, ganhando cada vez mais espaços para discussões em eventos nacionais e internacionais. Willian Lazaretti da Conceição teve como objetivo em sua obra Atendimento socioeducativo: atores e atrizes de um cenário em movimento debater o assunto dividindo em três cenas: educação, violências e políticas de atendimento. Tendo a oportunidade de aprender mais sobre as leis que amparam a criança e o jovem, a obra não é somente para os profissionais e educadores dessa área, mas também para aqueles que pouco conhecem o trabalho com medidas socioeducativas. _x000D_ _x000D_


Número de Páginas

240


Formato

14x21cm


Ano de Publicação

2016


Área

Serviço Social


Cena 1: Educação, violência e políticas de atendimento; Capítulo 1: Autor e vítima de violência: um só sujeito?; Capítulo 2: Medidas socioeducativas de internação: uma rede rasgada; Capítulo 3: História de vida dos jovens da Fundação Casa: o lugar da escola nessas vidas; Cena 2: O papel e a presença da família no contexto socioeducativo; Capítulo 4: A política de atendimento familiar no sistema socioeducativo de privação e restrição de liberdade no estado do Rio de Janeiro; Capítulo 5: Jovens privados de liberdade e o árduo cotidiano na Fundação Casa: onde o filho chora e a mãe não vê; Capítulo 6: Entre gerações e caminhos de vulnerabilidades: histórias de vida na voz de mulheres-mães com filhos institucionalizados; Cena 3: A voz dos/das educadores/as: a Pedagogia, muito mais que uma área; Capítulo 7: O papel do pedagogo na socioeducação: a educação escolar como possibilidade de emancipação política de adolescentes em conflito com a lei; Capítulo 8: A concepção dos educadores sociais sobre seu papel na efetividade da medida socioeducativa de privação de liberdade; Capítulo 9: O trabalho do arte-educador de teatro na Fundação Casa.